Uma Romã com uma Cruz

16 Abr

Lenda-Romã-com-uma-Cruz

 

Mais ou menos estilizada consoante o gosto do artista e quase sempre em corte longitudinal, deixando ver alguns grãos, a romã encimada por uma cruz constitui, desde o princípio do século XVII, o emblema da Ordem Hospitaleira de S. João de Deus.

Reproduzimos, acima, algumas variantes utilizadas em Portugal e no estrangeiro. A última é actualmente a mais usada, e foi criada para ser adoptada em toda a Ordem (critérios de marketing?).

Cabe perguntar porquê um tal símbolo, se as armas esculpidas sobre a fachada do primeiro hospital construído em Granada pelos Irmãos de S. João de Deus são a alcofa e o bastião do Santo, e se eles mesmos eram conhecidos por “Hermanos de la capacha” (Irmãos de alcofa)?

A resposta tem de ser encontrada na lenda da aparição a João de Deus do Menino com a romã, indicando-lhe o caminho de Granada. Lenda cheia de significado, sobretudo se pensarmos que a romã se traduz em espanhol por granada e é o símbolo ou “ex-libris” da cidade do mesmo nome onde o Santo viveu e nasceu a sua Ordem.

Esta lenda, como muitas outras, foi introduzida pelo biógrafo Célis, depois do ano 1600 e quando já corria o processo de beatificação do Santo.

A partir daí, em qualquer lugar do mundo, a romã encimada pela cruz passou a significar Ordem Hospitaleira de S. João de Deus.

 

Posted by:

Maria Amélia Ferreira da Costa

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: